Quinta-feira, 27 de Abril de 2017
Banner_ILG

Veja a lista completa de artigos no box direito desta página

Ultimos Artigos



Inclusão da pauta “Implementação de Cotas Raciais na USP” no Conselho Universitário

Ampliar / reduzir -

Nota Pública sobre a: Inclusão da pauta “Implementação de Cotas Raciais na USP” no Conselho Universitário
 
A inclusão da pauta “Implementação de Cotas Raciais na USP” na próxima Reunião Ordinária do Conselho Universitário da USP não ocorreu por livre e espontânea vontade da atual gestão da Universidade e nem foi fruto do acaso, ela é resultado da coleta da assinatura de mais de 20% dos membros do Conselho Universitário (CO) para que, com base no Parágrafo 6º do Artigo 11 do Regimento do Conselho Universitário não houvesse alternativa à USP senão realizar pela primeira vez em sua história, um debate visando implementar um Sistema de Reserva de Vagas com recorte racial.
 
            O Abaixo-Assinado subscrito por mais de 20% dos membros do Conselho Universitário foi precedido por diversas solicitações de diversas entidades e movimentos sociais que nunca foram atendidos e/ou tiveram seus anseios e propostas ouvidos, mas que nunca desistiram de lutar pela inclusão dos grupos historicamente excluídos do acesso ao conhecimento nela gerado e das oportunidades de desenvolvimento que ela oferece aos seus alunos.
 
            Mais de 50% da população brasileira é negra, enquanto isso, a USP nunca teve mais de 15% de seus ingressantes negros (Pretos+Pardos)[1], sendo que estes estão concentrados principalmente nos cursos de licenciatura e/ou nos de menor poder de mudança social. A USP continua subindo nos rankings internacionais de universidades e uma quantidade enorme de dinheiro público é investido nela anualmente, mas ela nada fez para incluir o povo negro que ela mantém fora de seus muros desde que ela “foi fundada para formar a elite paulistana”.
 
            Há pouco tempo, o Brasil aprovou a Lei 5.465/1968, conhecida como 'Lei do Boi', que beneficiava filhos de fazendeiros nos cursos universitários de Ciências Agrárias através de um Sistema de Cotas[2]. Essa lei vigorou até 1975 os beneficiados nunca foram chamados de inferiores como os inimigos das Cotas Raciais tentam nos impor. Enquanto isso, a população negra e branca pobre, que foi escravizada, depois foi culturalmente perseguida, impedida de exercer seus direitos civis básicos e submetida à um processo de exclusão que perdura, os negros não foram beneficiados por nenhuma política voltada à superação do racismo[3].
 
A constitucionalidade das Cotas Raciais foram homologadas pelo STF há 1 mês, mas a sua validade científica como instrumento de Ação Afirmativa voltada à reparação histórica de grupos excluídos. A USP nunca quis fazer a discussão sobre a Implementação das Cotas Raciais em seu sistema de seleção, mas ela não é capaz de manter-se contra o pensamento crítico e formação de opinião construída dentro e fora de seus muros.
 
Vemos a inclusão da pauta Cotas Raciais no Conselho Universitário da USP como uma esboço de vitória imposta pela união do Movimento Negro, Sindical e Estudantil contra o conservadorismo que, ainda e infelizmente, existe nas Universidades Paulistas.
 
FRENTE DE LUTAS PRÓ-COTAS RACIAIS DO ESTADO DE SÃO PAULO


[1] http://www.prg.usp.br/site/ (Informação do site da Pró-Reitoria de Graduação da USP)
[2] http://elegisbr.com/cefor/index.php/e-legis/article/view/55 (O Negro na Universidade - Fund. Palmares)

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Leituras Recomendadas

Prev Next

Um Defeito de Cor - Ana Maria Gonçalves

Um Defeito de Cor - Ana Maria Gonçalves

Fascinante história de uma africana idosa, cega e à beira da...

Sangue de Mim - Polyana de Almeida Ramos

Sangue de Mim - Polyana de Almeida Ramos

Romance brasileiro que aborda o universo feminino e afrodesc...

Você me deixe, viu? eu vou bater meu tam…

Você me deixe, viu? eu vou bater meu tambor!

É uma publicação zelosa em que se pode a cada página percebe...

Cada tridente em seu lugar & outras crôn…

Cada tridente em seu lugar & outras crônicas

Estréia literária de Cidinha da Silva, arguta investigadora ...

Os nove pentes d'África

Os nove pentes d'África

Em "Os nove pentes d'África", estréia de Cidinha da Silva na...

Kuami – Cidinha da Silva

Kuami – Cidinha da Silva

Cidinha da Silva mergulha na prosa mais uma vez e traz uma h...